Compartilhe

terça-feira, 26 de maio de 2015

APOIO DO PT DE SARNEY INCOMODA E PREOCUPA A CANDIDATURA DE NAIR PORTELA À REITORIA DA UFMA

O reitor Natalino Salgado demonstrou preocupação com o atrelamento da sua candidata a reitora, Nair Portela, ao grupo do PT liderado por José Sarney, através do conselheiro do TCE Washington Oliveira (WO).
No jornal O Estado do Maranhão, o presidente do PT, Raimundo Monteiro (camisa azul),
exalta as qualidades de Nair Portela e  abraça o reitor Natalino Salgado
Na edição de hoje do Jornal Pequeno (JP), o reitor amenizou o apoio, desqualificando seus interlocutores no PT. "A pecha de sarneizista não cola na professora Nair”, atenuou Salgado na manchete do JP.

Ontem, no jornal O Estado do Maranhão (imagem acima), os sarnopetistas eram celebrados pelo reitor.

A mudança de posição de um dia para o outro ocorreu após a péssima repercussão das fotos do PT de Sarney com o reitor e sua candidata Nair Portela.

COMPANHEIROS

Oficialmente, o PT de Sarney realizou um café da manhã na casa do vereador Honorato Fernandes para declarar apoio e engajamento na campanha de Nair Portela.

A organização do evento fez ampla distribuição das fotos nas redes sociais, onde o reitor Natalino Salgado e Nair Portela abraçam o presidente do PT Raimundo Monteiro, o vereador Honorato Fernandes, o dirigente Joab Jeremias e vários militantes do sarnopetismo.
Companheiros: presidente do PT, Raimundo Monteiro,
candidata a reitora Nair Portela e o vereador Honorado Feraandnes
Raimundo Monteiro é o principal operador de WO, braço direito de José Dirceu e Lula no Maranhão.

Incomodado com o desgaste na imagem da sua candidata após a divulgação das fotos, o reitor Natalino Salgado tentou disfarçar o atrelamento ao PT de Sarney.

Salgado também procurou descartar o convite do PT sarneísta para ingressar na legenda e ser candidato a prefeito de São Luís, em 2016.

Porém, o convite existe e já vem sendo veiculado há mais de um mês em vários blogs e jornais, sem que o reitor negasse a pretensão dos sarnopetistas em torná-lo candidato à Prefeitura da capital.
A assessoria de Nair Portela divulgou nas redes sociais
as fotos do apoio do PT de Sarney
Não foi à toa, portanto, o café da manhã oferecido pelo vereador Honorato Fernandes, principal interessado na filiação de Natalino Salgado ao PT.

A própria assessoria de Nair Portela divulgou o evento no jornal O Estado do Maranhão, destacando inclusive que o café-da-manhã foi realizado na casa da saudosa militante e professora da UFMA, Ieda Batista, mãe do vereador Honorato Fernandes.

DUAS FACES

O encontro com os sarnopetistas foi festejado no jornal O Estado do Maranhão, de propriedade da oligarquia Sarney. Contraditoriamente, o mesmo café-da-manhã foi amenizado no Jornal Pequeno.

Somente agora o reitor relaxou as relações com o PT sarneísta, devido à péssima repercussão das imagens distribuídas pela assessoria de Nair Portela nas redes sociais.

Mas, agora parece ser tarde demais para rejeitar os abraços do sarnopetismo. O estrago está feito.

MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL PROPÕE AÇÃO CONTRA A UFMA POR COBRANÇA INDEVIDA DE TAXAS

A universidade está cobrando taxas de inscrição e mensalidade para realização de cursos de pós-graduação
Ação contra a UFMA questiona a cobrança de taxas e mensalidade
em convênio com a Fundação Sousândrade
O Ministério Público Federal no Maranhão (MPF/MA), por meio da Procuradoria Regional dos Direitos do Cidadão (PRDC), propôs ação civil pública, com pedido de liminar, contra a Universidade Federal do Maranhão (Ufma) em razão das cobranças de taxas para inscrição e mensalidade em cursos de pós-graduação.

De acordo com o Procuradoria Regional dos Direitos do Cidadão (PRDC), em 2013 foi instaurado um inquérito civil para apurar a cobrança de mensalidades dos alunos matriculados em curso de pós-graduação na área de Hematologia Clínica e Citologia, oferecido pela Ufma em convênio com a Fundação Sousândrade.

Comprovada a cobrança indevida, o MPF/MA recomendou à Universidade que suspendesse a cobrança de taxas, desse publicidade à medida e o ressarcimento dos alunos nos últimos cinco anos. Porém, a recomendação não foi acatada.

Na ação, o MPF/MA requer a suspensão das cobranças de taxa de matrícula e mensalidades pelos cursos de pós-graduação (especialização e aperfeiçoamento), fixando-se multa diária por descumprimento da ordem judicial, por aluno lesado; além de dar publicidade ao cumprimento da ordem judicial no portal eletrônico ou nos sites onde são oferecidos os cursos, deixando clara a gratuidade do ensino, sob pena de multa diária por descumprimento.

Assessoria de Comunicação

Procuradoria da República no Maranhão

segunda-feira, 25 de maio de 2015

VIOLÊNCIA CONTRA OS BRASILEIROS: CÂMARA QUER CONSTRUIR SHOPPING DE R$ 1 BILHÃO

Merece total repúdio a proposta do presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB), de torrar R$ 1 bilhão para construir um shopping de luxo, no Congresso Nacional.

No momento em que o governo corta direitos trabalhistas, reduz investimentos e aumenta os impostos, a pretexto de economizar R$ 70 bilhões, é inadmissível que os parlamentares gastem R$ 1 bilhão em um shopping.

O shopping é uma ostentação com o dinheiro público, uma agressão aos trabalhadores sacrificados e um deboche do Congresso Nacional.

Mais que isso, é uma violência contra todos os brasileiros, os cidadãos tributados duplamente, pais e mães de família que vivem aos trancos e barrancos, em meio a tantas dificuldades.

A presidente Dilma Roussef, o PT e os parlamentares com o mínimo de dignidade devem BOICOTAR esse empreendimento.

É um abuso inadmissível se esse projeto for adiante, em uma época de descrédito na política viciada, marcada por corrupção em todas as instâncias e na maioria dos partidos.

Chega de sangrar o povo para bancar o luxo, a ostentação e os privilégios de uma casta corrupta que a cada dia ignora o sofrimento e a dor dos brasileiros.

R$ 1 bilhão ameniza a dor de milhares de pessoas que estão morrendo nas portas dos hospitais públicos.

R$ 1 bilhão pode tirar milhares de crianças e adolescentes das ruas, construindo escolas.

R$ 1 bilhão ajuda a conter o déficit da Previdência.

R$ 1 bilhão compra centenas de ambulâncias e medicamentos.

R$ 1 bilhão para um empreendimento que vai alimentar o luxo de uma maioria parasita é um abuso, uma imoralidade, um acinte, uma falta de respeito contra as mulheres e homens deste país.

O povo brasileiro não merece mais essa violência. Basta!

MÚSICA: LARISSA BAQ DE VOLTA A SÃO LUÍS

Compositora, cantora e multi-instrumentista, a paulista Larissa Baq é uma voz entre a força e a doçura com o baque de sua música na guitarra. Larissa Baq tem ritmo forte e um swing que mexe com o público.

Do interior do Maranhão à Europa, ela já circulou um bocado.

Dia 28 de maio, no Amsterdam Music Pub, Larissa apresenta o Sarau Vai Voa, recebendo convidados, em uma noite que vai ao encontro da música autoral da cidade.

São convidados: Hermes Castro, Beto Ehongue, Marcos Lamy, Milla Camões, Angela Gullar.

No dia 29 de maio, Larissa traz ao palco do restaurante Cantinho da Estrela o repertório do seu próximo disco, “vaivoa", que está em processo de pré produção, momento de grande alegria.

Empunhando uma guitarra de cores percussivas, no repertório autoral, se destacam "Pausa" e "Quiçá", duas de suas belas composições já conhecidas por seu público crescente.

Produção e divulgação: Satchmo Produções

Foto: Renan Alcântara

ELMO RENATO EXPÕE ARTESANATO EM TELHA

A Galeria Trapiche abre dia 27 de maio a exposição “Deu na telha”, do artista Elmo Renato.

O projeto "Deu Na Telha" vem sendo elaborado e desenvolvido há anos através de diversas experiências e técnicas de escultura que utiliza desde massa sintética (durepox), cimento e argamassa (matéria prima de minhas peças) como de pintura com variados pigmentosos a base d'água que tem como suporte uma telha de construção (canal e colonial).

“Meu trabalho é uma soma de tudo que já produzi como artesão durante mais de duas décadas, buscando inspiração principalmente na arte indígena e outras culturas orientais, a criação da obra é um misto de prazer e intuição que faço naturalmente fluir as idéias e materializar no primeiro momento a forma, em seguida e como complemento vem a pintura singular tanto nas peças figurativas quanto nas abstratas”, explicou Renato.

Além de artesão, Elmo é um militante político de esquerda e ativista das boas causas.

Veja mais no perfil de Elmo Artesanato no Facebook: https://www.facebook.com/elmoartesanato?ref=hl

domingo, 24 de maio de 2015

PT DE SARNEY CERCA NAIR PORTELA, CANDIDATA DO REITOR NATALINO SALGADO

Apoio visa também filiar o reitor ao PT, para disputar a Prefeitura de São Luís, em 2016
O chefe-maior Washington Oliveira comanda o PT de Sarney através de Raimundo Monteiro
A meteorologia política prevê nuvens carregadas sobre a eleição para a Reitoria da UFMA.

De uma só vez, o PT liderado por José Sarney faz dois negócios: 

1) fechou apoio à candidata Nair Portela; 

2) articula a filiação do reitor Natalino Salgado, com o objetivo de candidatá-lo à Prefeitura de São Luís em 2016.

O sarnopetismo misturado ao natalinismo é obra do vereador Honorato Fernandes, petista engajado na campanha de Edinho Lobão (PMDB) ao governo, em 2014.
Raimundo Monteiro, Nair Portela e o vereador Honorato: sarnopetismo na UFMA
Fernandes promoveu um café-da-manhã para recepcionar o reitor e a sua candidata, Nair Portela, com a participação do presidente estadual do PT, Raimundo Monteiro, e vários militantes do sarnopetismo.

No pacote de apoio a Nair Portela, essa banda do PT embutiu a filiação do reitor Natalino Salgado, mas seu ingresso no partido encontra resistência de outros segmentos que preferem a aliança para reeleger o prefeito Edivaldo Holanda Jr (PTC).
Dirigentes e militantes petistas com o reitor Natalino Salgado, Nair Portela e o
candidato a vice-reitor Fernando Carvalho
CHEFE-MAIOR, SARNEY & JOSÉ DIRCEU

O chefe-maior e operador dos interesses do PT na UFMA é o ex-vice-governador Washington Oliveira (WO), líder do submundo petista, agente de José Sarney e braço direito de José Dirceu no Maranhão.
Vereador Honorato Fernandes, ao centro, recepcionou os sarnopetistas
Pelos favores prestados à oligarquia Sarney, WO está sinecurado em um cargo vitalício de conselheiro do Tribunal de Contas do Estado (TCE), de onde continua mandando no PT, através de Raimundo Monteiro, presidente estadual do partido.

Não precisa dizer mais nada sobre esse apoio. As imagens explicam o resto.

sábado, 23 de maio de 2015

SÃO LUÍS: VÁRIAS CANDIDATURAS SEM PROJETO PARA A CIDADE

Em 2012, Edivaldo Jr (PTC) ganhou a eleição de João Castelo (PSDB), mas pouca coisa mudou...
...e em 2016 o tucano deve se aproximar de Eliziane Gama (PPS), que lidera as pesquisas.
A pesquisa Escutec acendeu a fogueira no arraial eleitoral de São Luís.

Embora seja cedo para consolidar as posições, o levantamento já provoca acomodações dos grupos e subgrupos em torno das candidaturas.

Paralelamente, devem ocorrer as fusões entre o PPS e o PSB e cogita-se a possibilidade de aglutinação entre o DEM e o PTB.

A eleição de 2016 ocorre em função do pleito de 2018.

As pré-candidaturas e os partidos se acomodam visando à tomada do poder para controlar a máquina e projetar os próximos dois anos.

Os nomes e a proteção dos seus grupos estão sempre acima de qualquer outra coisa.

Quase nenhuma pré-candidatura fala em programa de governo.

Não há esforço para montar uma equipe capaz de elaborar um arcabouço de projeto visando enfrentar os graves problemas de São Luís.

Também não existe diálogo entre as candidaturas e a população, através das suas organizações.

Geralmente, ocorre o velho sistema de curral dos vereadores, que controlam as associações de moradores e entidades assemelhadas.

E assim segue a cidade. No máximo, fala-se em operação tapa-buracos.

Pouco muda trocando Edivaldo Holanda Junior (PTC) por Eliziane Gama (PPS), se não houver a construção de uma plataforma participativa de debates e formulação de propostas para mudar a cidade.

Na linha das campanhas personalistas, mudam os nomes e os grupos no controle da máquina pública e quase nada é alterado no cotidiano da população.

Parece que tudo vai se repetir em 2016.