Compartilhe

quarta-feira, 1 de janeiro de 2014

HOLANDA JR: A PROVA DOS NOVE EM 2014

O primeiro ano da gestão de Edivaldo Holanda Junior (PTC) na Prefeitura de São Luis foi marcado por três ações visíveis: a melhoria significativa da coleta de lixo, a volta às aulas na rede municipal e um rosário de boas intenções na publicidade.

Herdeiro de uma gestão desumana do antecessor João Castelo (PSDB), Holanda passou os 12 meses de 2013 reclamando-se da falência e do endividamento da Prefeitura.

Em 2014 não haverá desculpa. É ano eleitoral e a máquina pública precisa funcionar, até porque o desempenho do prefeito vai impactar positiva ou negativamente na campanha de Flávio Dino (PCdoB) ao governo do Maranhão.

Se Edvaldo fracassar, pode atrapalhar a consolidação do eleitorado de Flávio Dino na capital.

O prefeito tem apenas uma gestação para fazer valer o discurso de mudança prometido na campanha.

Não precisa fazer muita coisa. Se tapar os buracos e pintar de cal os cacarecos de meio fio e as beiradas das calçadas, já será um ótimo prefeito.

É o que se espera até a eleição. Se não conseguir sequer maquear a cidade até o aniversário de 402 anos, em setembro, Edvaldo vai conquistar o impossível: ser pior que Castelo.

2 comentários:

Maria do Rosário disse...

O prefeito já começou a trabalhar, prova disso, são as obras q ele vem acompanhando. Eu acredito q agora em 2014 será o ano em q ficará bem claro a mudança tão prometida e tão sonhada.

Diogo Cabral disse...

Sempre em ano eleitoral... Em 2015, como em todo Maranhão, repararão os fundos "investidos" em 2014. E voltam a pintar canteiros e tapar buracos em 2016. Que diferença eles tem?