Compartilhe

sábado, 11 de setembro de 2010

NOVO BLOGUE PARA DENUNCIAR CORRUPÇÃO ELEITORAL

Será lançado oficialmente nesta segunda-feira (13), às 16h, no Auditório da OAB/MA (Calhau), o blogue “Sétimo Mandamento”. A iniciativa é de várias organizações da sociedade civil pioneiras no Movimento de Combate à Corrupção Eleitoral.

O blogue “Sétimo Mandamento” colherá denúncias de compras de votos e outras durante o período eleitoral. O endereço é
http://www.setimomandamento.org

A página na internet será alimentada por agentes que trarão denúncias à Cáritas Brasileira Regional Maranhão, as Redes e Fóruns de Cidadania do Estado e outras organizações sociais que apóiam a iniciativa.

Denúncias podem ser feitas pelo e-mail
setimomandamento@gmail.com e/ou nas caixas de comentários do site. Os comentários são moderados, garantindo o sigilo de fonte, quando necessário.

O "Sétimo Mandamento" buscará analisar as relações políticas e de parentesco entre candidatos, as emendas parlamentares destinadas a municípios, disponibilizar a legislação eleitoral aos internautas, pesquisas de intenção de votos, documentos para download (cidadãos e cidadãs podem apresentar suas representações a juízes e promotores, bem como à polícia) e banco de dados, entre outros.

De acordo com Ricarte Almeida Santos, “o Sétimo Mandamento não tem coloração partidária e estará atento a todos os candidatos, em todos os municípios do Maranhão. A Cáritas ao longo dos anos tem formado quadros para o controle social de políticas públicas e pela conquista de direitos e os agentes farão o papel de fiscais anticorrupção. Mas qualquer cidadão, munido de provas, poderá apresentar suas denúncias”.

* Com informações de ZEMA RIBEIRO, assessor de Comunicação da Cáritas Brasileira Regional Maranhão.

3 comentários:

licia disse...

Excelente iniciativa. A mídia alternativa a serviço da população.

abraços,

Lícia.

Ed Wilson Ferreira Araújo disse...

Muito bem Licia,
Grato pela assiduidade e incentivo.
Ed Wilson

FRANCISCO ARAUJO 1365 disse...

A PERSISTÊNCIA DO MESMO E ELOGIO DA DESCONFIANÇA
O povo quer o novo, mas prevalece o mesmo. Uma coisa é querer, outra coisa é poder. O povo não muda para o novo sem saber quem é ele, sem que esse novo se identifique com as coisas do povo ou em uma garantia.
Prevalece a mentalidade: ruim com ele, pior sem ele. Também podemos traduzir como: é melhor permanecer com o velho/ruim que conheço do que a novidade sem face. Enfim, nesse cenário a desconfiança alimenta o MEDO. O medo surge como atitude passiva: deixa como está.
Faltou para essa eleição uma emoção, um sentimento que empurrasse para uma atitude contra o medo, que se identificasse com o novo e a vontade de mudança! Agora parece que Inês é morta!
Porém, mantenho a fé que, no último instante, algo inusitado aconteça no fundo da vontade popular e o segundo turno venha!!!! Enquanto o voto não entra na urna... vale a pena tentar a mudança.
FRANCISCO ARAUJO