Compartilhe

segunda-feira, 23 de fevereiro de 2015

ELIZIANE GAMA 2016: PPS E REDE ESTARÃO JUNTOS NA DISPUTA PELA PREFEITURA DE SÃO LUÍS

Guerra e paz: deputada critica a gestão do prefeito Edivaldo, aliado do governador Flávio Dino
Primeira colocada na eleição da bancada maranhense na Câmara, com 133.575 votos, a deputada federal Eliziane Gama (PPS) vai consolidando a candidatura a prefeita da capital.

Em paz com o governador Flávio Dino (PCdoB), a deputada tece críticas ácidas à gestão do prefeito Edivaldo Holanda Junior (PTC).

“A velha tática de deixar para trabalhar só nos últimos anos já mostrou que não dá certo. Edivaldo perdeu o time, acredito que os problemas não foram resolvidos e não há nenhum planejamento para isso. O governo está inadimplente e ficará em várias outras áreas por falta de cumprimento de leis federais. Infelizmente a situação da cidade é grave”, frisou Gama.

A deputada está segura do PPS e pretende agregar a Rede Sustentabilidade, partido em fase de regularização, liderado por Marina Silva. “Os dois partidos estão coesos e estarão juntos no projeto”, garantiu.

Sobre os atritos na Secretaria de Cultura, ela afirmou que o assunto está superado. “Não tive nenhum problema com o governador. Nunca pedi saída de ninguém, o problema foi pontual. O PPS devolveu a pasta, hoje não temos secretaria no governo, mas continuamos apoiando o governo”, explicou.

Veja a entrevista exclusiva ao Blogue do Ed Wilson.

Blogue - Qual a sua avaliação do processo eleitoral de 2014 no Maranhão?

Eliziane Gama - Foi muito bom, o Maranhão mostrou sua força, elegendo com toda folga o governador Flávio Dino. Esse é um recomeço. 

Blogue – A sua votação foi a maior de toda a bancada maranhense eleita. Quais fatores contribuíram para esse resultado?

Eliziane Gama - Foi fruto de muito trabalho, de nossa atuação de 8 anos de mandato. O Maranhão reconheceu, mesmo com uma campanha muito modesta, tivemos uma votação surpreendente. 

Blogue – Os primeiros 40 dias de governo Flávio Dino (PCdoB) estão correspondendo à proposta de mudança pregada na campanha?

Eliziane Gama - Ele tem um grande desafio, o de trazer de volta os sonhos frustrados de milhares de maranhenses. As medidas adotadas por ele nesse primeiro momento foram importantes, mas também são desafiadoras. O Estado tem problemas estruturantes graves, alguns resultados não virão de imediato. 

Blogue – O prefeito Edivaldo Holanda Junior (PTC) também foi eleito com o discurso da mudança. Qual a sua avaliação da gestão na capital?

Eliziane Gama – A velha tática de deixar para trabalhar só nos últimos anos já mostrou que não dá certo. Edvaldo perdeu o time, acredito que os problemas não foram resolvidos e não há nenhum planejamento para isso. O governo está inadimplente e ficará em várias outras áreas por falta de cumprimento de leis federais. Infelizmente a situação da cidade é grave.

Blogue – Em todas as análises e projeções políticas, seu nome vem sendo colocado para disputar a Prefeitura de São Luís. A candidatura já está consolidada?

Eliziane Gama - É natural a candidatura do PPS, não há como ser diferente, mas agora estamos focados em nosso mandato como federal. O povo me elegeu com a maior votação do estado, preciso responder essa expectativa. No momento certo farei esse debate. 

Blogue – O plano do governador Flávio Dino é manter a maioria dos partidos da coligação de 2014 coesa em 2016, em torno da candidatura à reeleição do prefeito Edivaldo Holanda Junior (PTC). Esse plano inclui o PPS, seu partido, que tem cargos na Prefeitura de São Luís. A senhora pretende ser candidata contra a orientação do governador?

Eliziane Gama - O PPS é oposição ao governo municipal, tem um projeto. Isso é um fato.

Blogue – Como ficou a sua relação com o governo Flávio Dino após os atritos na Secretaria de Cultura?

Eliziane Gama - Não tive nenhum problema com o governador. Nunca pedi saída de ninguém, o problema foi pontual. O PPS devolveu a pasta, hoje não temos secretaria no governo, mas continuamos apoiando o governo. 

Blogue – Integrantes do PPS insistem em manter os cargos na Prefeitura de São Luís. O partido também está sob a área de influência do governador Flávio Dino. Quais as chances de a sua candidatura unificar a legenda?

Eliziane Gama - O PPS está unificado em torno do projeto municipal, quem está integrando o atual governo municipal não integra mais a executiva do partido, portanto esse fato está consumado. 

Blogue – Se o PPS não apoiar a sua candidatura, a Rede Sustentabilidade é um caminho mais viável? Existe diálogo para o seu ingresso no novo partido? A senhora tem conversado com Marina Silva?

Eliziane Gama - Sou incentivadora da Rede, assim como o PPS nacional. Marina é uma referência de vida para mim, é uma amiga pessoal, tenho por ela um grandioso respeito, mas estou no PPS, estou focada nisso.

Blogue – A sua posição ideológica é de esquerda, centro ou direita? Isso faz alguma diferença nas disputas eleitorais no Maranhão?

Eliziane Gama - Acredito que esse debate esquerda versus direita está ultrapassado. As últimas eleições mostraram isso. Sou do Maranhão, sou das boas práticas, sou da nova política. 

Blogue – Quais são os três problemas emergenciais de São Luís que a sua candidatura poderia agendar em uma disputa eleitoral?

Eliziane Gama - São Luís tem graves problemas, infelizmente em todas as áreas, mas a educação está mais grave, até hoje tem crianças que não tiveram a oportunidade de concluir o ano letivo de 2014, isso é grave. Um pai ou uma mãe que não coloca seu filho na escola, está incorrendo em um crime. Um gestor que não garante vaga pra um aluno, também está incorrendo em um crime. Isso é improbidade. Além dessa área, temos mobilidade urbana e saúde. 

Blogue – Geralmente, nas eleições, o programa de governo é apenas uma peça de ficção. A sua candidatura, caso seja consolidada, pretende elaborar um programa real e exequível?

Eliziane Gama – Isso é um fato, sou comunicadora, mas os programas de governo não podem ser fruto de uma peça publicitária, precisam ser fruto de um debate com a população e técnicos qualificados. O PPS está atento, pois se isso não acontece, o marketing inverte seu papel e aí não funciona. 

Blogue – Poderia apontar algumas diretrizes programáticas de uma eventual candidatura para enfrentar os problemas da capital?

Eliziane Gama - O programa de governo será pautado na sustentabilidade de forma transversal, popular, transparente e democrática. Com esses princípios faremos um programa consolidado.

Blogue – Qual seria sua proposta para o transporte de massa. Retomaria o VLT, por exemplo?

Eliziane Gama - São Luís precisa urgente de um transporte de massa, o VLT é uma boa alternativa, mas como não teve um planejamento e suas obras não tiveram continuidade, virou piada em São Luís, mas chegou a hora de termos um sistema de transporte de massa mais evoluído. 

Blogue – São Luís é uma cidade sem os equipamentos urbanos básicos e as administrações ainda estão focadas em operações tapa-buracos. É possível sair desse lugar-comum e avançar? Para onde?

Eliziane Gama - São Luís não tem planejamento. A capital não tem plano de resíduos sólidos, por isso fica inadimplente, até agora não fez o plano de mobilidade, por isso também pode incorrer nesse mesmo risco, ou seja não há planejamento. O governo não tem uma equipe de projetos e nem de captação de recursos, por isso perde dinheiro e deixa de receber também. Isso é sério, não tem como prosperar sem esse nível de responsabilidade. 

Blogue – Caso o PPS local não viabilize sua candidatura, existe a chance de uma intervenção através do líder nacional Roberto Freire?

Eliziane Gama - Não existe a possibilidade de não viabilizar. 

Blogue – Qual o caminho mais seguro para sua candidatura: o PPS ou a Rede Sustentabilidade?

Eliziane Gama - Os dois partidos estão coesos e estarão juntos no projeto.

Blogue – Na Câmara dos Deputados, como será seu posicionamento sobre os temas polêmicos, por exemplo: relações homoafetivas, casamento entre pessoas do mesmo sexo, diversidade religiosa, multiculturalismo e outros?

Eliziane Gama - Meu foco é o ser humano, a pessoa, sempre será assim, sou radicalmente a favor da vida. Esse é o princípio que rege todas as minhas decisões. 

6 comentários:

Anônimo disse...

São Luís estava muito maltratada em consequência da má administração dos últimos gestores e o atual prefeito está colocando a casa em ordem e isso não acontece do dia para a noite, mas o que importa é que ele tá resolvendo.

Anônimo disse...

É muito confortável pra Eliziane ficar esbravejando o que ela quer, contra quem ela quer de púlpito! Quero ver se ela tem peito pra assumir prefeitura, pra levar esculacho todo santo dia e ainda manter a índole como a do Holandinha; limpa e sem escândalos. Ela ta é por fora do que é gestão de fato.

Anônimo disse...

Não sinto a menor inclinação para votar nesta fanática. Já arranjou briga com o povo da Vila Palmeira com um pseudo projeto de transformar o parque folclórico em espaço pra culto! Até em Rosário essa mulher arranjou problema! Ta fadada ao fracasso.

Anônimo disse...

É uma bandida! Usou milhares de pessoas no interior do Estado na época da campanha e agora nem fala nesses coitados que votaram nela. Pergunta se ela visitou algum dos interiores onde foi abraçar criancinha crente pra pedir voto! Não foi em nenhum!

Anônimo disse...

Olha os assessores de Holandinha comentando kkk já bateu o desespero?

José Francisco Pavão disse...

Eliziane é o nome pra 2016 ela é competente já provou isso...